Projeto Grande Carajás: Trinta anos de desenvolvimento frustrado

Assunto: Mineração

Ano: 2014

Resumo: A tarefa nada fácil que tentamos cumprir nesta publicação é a de refletir sobre os trinta anos da instalação do Complexo Grande Carajás. Quando da instalação de Carajás, o recémcriado Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (Ibase) publicava o primoroso estudo Carajás: o Brasil hipoteca seu futuro (1983). Na época, o regime civil-militar vivia seus últimos momentos e a demanda por redemocratização pautava as lutas populares. O estudo buscava questionar o processo deliberativo através do qual eram formados os grandes planos de investimento do governo federal. Eram centenas de bilhões de dólares de gastos públicos para projetos que não eram respaldados pela vontade popular. Assim, a publicação mapeava os dilemas e problemas dos investimentos públicos em Carajás. Agora, motivados pelos trinta anos da instalação do Complexo Minerador de Carajás, tentamos reinterpretar Carajás em meio à recente trajetória de desenvolvimento brasileira, englobando os últimos trinta anos e, principalmente, o período 2002-2014. Para isso, buscamos analisar a importância da mineração na economia brasileira e os impactos inerentes a esta atividade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*